como escrever um email feautured

Como Escrever Um Email que Outros Queiram Abrir e Ler

Pedro Holstein Uncategorized 2 Comentários

Símbolo de email

Quer saber como escrever um email que outras pessoas querem receber, abrir e ler?

Quer descobrir a estratégia que eu, Pedro Holstein, uso para que 9 em cada 10 emails que envio sejam abertos e lidos?

Quando acabar de ler este artigo vai:

  • Saber como enviar emails irresistíveis e aumentar a sua percentagem de emails abertos em 203%.
  • Ter acesso a templates de email, palavra por palavra, que eu próprio uso e que pode adaptar para si.

Bónus Exclusivo: Faça Download da nossa lista de verificação e comece a enviar emails de sucesso em 5 minutos. 

A Importância do Email Hoje em Dia

 

O email é como o rock. Por muito que alguns digam que está morto, no fim volta sempre ao topo.

A verdade é que  o email está mais vivo hoje que nunca. Se não acredita em mim,  pode ser que acredite no estudo realizado pela Facebook em 2013 ao mercado móvel:

Atividades mais realizadas pelos utilizadores de smartphones

Imagem: emailmonday

Ainda não ficou convencido? Então e seu eu lhe disser que há mais pessoas a verificar o email no telefone, do que pessoas a mandar mensagens de texto?

Impossível, quem é que liga ao email? As pessoas gostam é das redes sociais, aí é que é preciso apostar! Mas será isso verdade?

Segundo um estudo da ExactTarget sobre o comportamento do mercado móvel em 2014, as percentagens dividem-se assim:

percentagem de consumidores mercado móvel

Imagem: emailmonday

Porque é que isto lhe interessa a si? Bem se está a ler isto é porque fez a pergunta: como escrever um email? Primeiro era importante para mim que você percebesse o quão inteligente é por fazer essa pergunta.

Não, não lhe estou a dar graxa. Acho que as verdades devem ser ditas. Perceber a importância do email e querer aprender mais, é um sinal de que está atento à realidade à sua volta.

O email sempre foi e continua a ser a ferramenta de comunicação mais utilizada online.

Como o Email Ajuda a Vender Online

 

O meu objetivo com a Online Growing é ajudá-lo a ganhar mais com o seu site. Quero ajudá-lo a crescer e a transformar as suas visitas em clientes pagantes.

Por isso mesmo, não podia deixar de falar sobre este ponto importante: Como o email pode ajudá-lo a vender mais online.

 Diferentes serviços de software de email marketingImagem: WesSchaeffer

O email é a ferramenta melhor, mais rápida e mais fácil para falar com os seus clientes. Sim, estou a pôr o email à frente das redes sociais.

Não tenho nada contra as redes sociais, acho que são essenciais para uma boa comunicação com os clientes, mas não são a melhor ferramenta para vender.

Num estudo realizado pela Custora em 2013 sobre os vários canais de aquisição de clientes, chegaram às seguintes conclusões:

Comparação dos vários canais de aquisição de clientes online

As redes sociais têm taxas de conversão entre 0.5%-1%. O email tem quase 8 vezes isso!

Neste artigo vou ajudá-lo a perceber como escrever os melhores emails que alguma vez enviou:

  • Vai descobrir como escrever emails que as pessoas gostam de receber.
  • Vai passar a receber respostas em vez de ter o seu email ignorado.
  • Vai aumentar a sua receita online e a receita da sua lista de email.

Se está interessado em saber mais sobre como aumentar as suas vendas online através do email, pode ler este artigo aqui.

Como Escrever um Email: o Guia Definitivo Para que os Seus Mails Sejam Abertos, Lidos e Respondidos

 

 Como escrever um email: teclado com botão verde.Imagem: MariaElena

Há poucas coisas mais irritantes do que escrever um email e não receber uma resposta.

O problema é não sabermos porque é que não nos responderam:

  • Será que ele recebeu ou foi para a caixa de spam?
  • Será que não se interessou ou está ocupado?
  • Devo enviar outro email ou espero?

Eu quando comecei também me torturava com este tipo de perguntas, até que aprendi a usar 11 pontos essenciais em cada email que envio.

1. Mantenha o Email Curto

 

Se quiser garantir que ninguém lhe responde faça o seguinte: envie emails gigantes com dezenas de perguntas.

Se por outro lado, quer que as pessoas respondam aos seus emails, o fator mais importante é este: mantenha o seu email curto e simples.

Ninguém gosta de receber emails grandes. Não teem tempo e estão demasiado ocupadas. Eu quando recebo emails longos, sinto vontade de assassinar a pessoa em causa.

Não envie emails longos

Imagem: Joethegoatfarmer

Nos dias de hoje, mal temos tempo para verificar o email, quanto mais estarmos a ler testamentos e a responder a várias perguntas.

Se quer que lhe respondam aos emails, comece por cumprir esta regra. Reduza o tamanho dos seus emails para no máximo 3 parágrafos e uma pergunta ou oferta.

2. Envie Emails Personalizados

 

Ninguém gosta de receber aqueles emails em formato de um para todos. Sabe quais são?

Aqueles em que percebe que o mail não foi escrito para si. Foi escrito para um grupo de pessoas e você, por acaso, faz parte desse grupo.

Normalmente começam por “Estimado cliente” ou “Caro subscritor”.  Eu sei que ás vezes tem de se começar assim, o problema é o resto. Não há nenhum sinal de que aquele email foi escrito a pensar em si.

Email personalizado enviado pela Google

O seu nome não é referido em nenhum lado e sente imediatamente que não se interessam por si. Você é mais um, no meio de milhares de emails que foram enviados a ver se lhe “sacam” o dinheiro.

Se vai enviar um email a alguém, faça o seu trabalho de casa. Tente saber para quem está a enviar o mail, um nome chega. A seguir, mostre à pessoa que ela é importante e que o mail não é só uma forma de tentar vender-lhe alguma coisa.

Pode usar os dados que tem acerca da pessoa para personalizar o mail: interesses, compras passadas, histórico de interação com o seu site. Mostre que a conhece e que ela é importante para si.

3. Comece Com um Elogio. Mostre que Conhece a Empresa/Pessoa e o Seu Trabalho Passado

 

Um dos problemas quando envia um email a alguém que não conhece é essa pessoa não ter nenhuma ligação consigo.

Isto quer dizer que a pessoa tem a tendência a pensar : “Mas quem é este, de onde é que eu o conheço e de onde é que ele me conhece a mim? ” .

Esta técnica é perfeita para quebrar o gelo. Logo no início do email, comece por referir como conhece a pessoa ou o seu trabalho.

Mostre que conhece a pessoa a quem envia o email

Atenção que o objetivo não é falar de si. O objetivo é elogiar a pessoa e mostrar que tem uma ligação com ela, que conhece o seu trabalho.

Só um pequeno aviso: não seja falso. Qualquer pessoa percebe que não está a ser honesto. Faça o seu trabalho de casa e leia o trabalho da pessoa.

Todos adoram ser elogiados, mas odeiam perceber que esse elogio é falso. Se não consegue descobrir nada no trabalho da pessoa para elogiar, provavelmente não é alguém com quem queira trabalhar.

4. Não Peça Coisas. Seja Você a Dar

 

Gosta de receber emails a pedir-lhe coisas? Para fazer isto, ler aquilo, responder a mais isto?

A única coisa pior que isso, é receber esses emails de pessoas que não conhece. Como é que é possível que haja tanta gente que ainda não percebeu isto?

São capazes de exigir o mundo através de um email, mas em pessoa têm vergonha e não pedem nada. Parece que se sentem protegidos pelo distância de um email.

Seja você a dar nos emails e não a pedir

Imagem: Joethegoatfarmer

O problema é que a reação de quem recebe o seu email é igual. Olham para a mensagem e carregam no “delete”.

Se quer que lhe comecem a responder aos seus emails, tem de ser você a dar alguma coisa. Tem de dar ao outro uma razão para lhe responder.

Exemplo de um mau email:

exemplo do que não escrever num email

Se vir bem, este email até faz algumas coisas bem. É curto, é personalizado e até começa com um elogio. O problema é o resto.

Começa logo pelo título. Eu sei, eu sei. É um bocadinho exagerado, mas o que interessa é a ideia. “Preciso de ajuda” podia ser algo como “Dúvida sobre website” ou outra coisa qualquer.

Ninguém quer abrir um email que começa logo no título por pedir alguma coisa. Pior ainda, depois de abrir o email, o António ia descobrir que eu queria ajuda em 3 coisas diferentes.

Lhe garanto com 100% de certeza, que o António nunca me responderia a este email. Nunca. Ele é uma pessoa ocupada e não tem tempo para estar a analizar o meu site só porque é simpático.

Exemplo de um bom email:

Ofereça ajuda aos outros nos seus emails.

 

Este email não é perfeito, mas tenho a certeza que 9 em cada 10 pessoas que o lessem iriam responder.

Quem é que não quer saber o que pode melhorar para vender mais? A ideia aqui é começar por criar uma relação.

É preciso dar para poder receber. Tal como eu daria ao António, no futuro ele podia retribuir o favor.

Depois de ele me conhecer, é muito mais provável que esteja disposto a ajudar-me.

5. Faça com que Só Tenham de Dizer Sim ou Não

 

Outro ponto muito importante em que tanta gente falha. Não são específicos quando fazem uma pergunta ou quando marcam uma data.

Precisa de marcar uma reunião? Nunca escreva isto : “Diz-me então quando é que estás disponível para nos reunirmos”.

Está a obrigar o outro a pensar e isso dá imenso trabalho! Sabe o que é que a maior parte faz? “Marcar uma data? Bem, eu já lhe respondo então” e nunca mais respondem.

Até que você envia outro email e eles inventam uma desculpa do género “Ah desculpa, tenho estado muito ocupado com X e Y”.

O problema não foi estarem ocupados. Foi não quererem tomar numa decisão. Por isso mesmo é que tem de ser você a tomar a decisão por elas.

Quando lhe dizem que estão ocupados estão a mentir

Imagem: Alanorourke

Tem de ser específico quando faz uma pergunta: “Podemos combinar para quarta-feira ás 13:00? ”

Aqui só obriga o outro a dizer sim ou não. É muito mais provável que receba uma resposta se a pessoa não tiver de pensar numa solução.

Sempre que enviar um email, tem de cumprir este requisito:

  • Este email pode ser respondido com um sim ou um não?

Se não puder, então tem de voltar atrás e reformular o seu email. Tem de ser possível responder ao seu email com uma palavra.

Só assim é que vai receber respostas das pessoas mais ocupadas.

 6. Crie Um Sentido de Urgência

 

Exemplo de como a Groupon cria urgência

Pode não ser aplicável a todos os emails que enviar mas ajuda muito a receber respostas. Especialmente se estiver com pressa que lhe respondam.

A ideia deste sexto ponto é criar um sentido de urgência em quem lê o seu email. Criar a ideia de que é urgente que lhe respondam.

A melhor forma de fazer isto é dar a entender que a pessoa perde alguma coisa se não lhe responder. Quer um exemplo?

  • ” Esta oferta só está disponível até amanhã ás 13:00″
  • “Tem disponibilidade hoje ou devo procurar outra pessoa?”

como ebay usa sentido de urgência

Se a pessoa estiver interessada, só tem algumas horas para poder responder ao seu email. Isto obriga-a a tomar uma decisão urgente.

Porque é que a urgência é tão importante? Porque a maior parte de nós prefere adiar as tomar uma decisão se nos deixarem.

O objetivo deste artigo é que você passe a receber respostas e que essas respostas sejam a tempo e horas. Se deixar ao critério dos outros, quando podem ou não responder, vai receber muito menos respostas.

7. A Lacuna de Conhecimento

 

Este é um dos segredos mais bem guardados do marketing digital. Valeu a pena ter lido o resto do artigo todo só para chegar a esta parte!

A lacuna de conhecimento é uma técnica tão poderosa que pode fazer com que pessoas ocupadas e bem sucedidas, respondam a emails de pessoas que não conhecem.

Funciona da seguinte forma:

  • Envia um email para alguém onde dá a entender que tem alguma coisa que a pode ajudar ou interessar.
  • Não revela o que é essa coisa, mas dispõe-se a entregá-la se a pessoa lhe responder.

Esta “coisa” não tem de ser mesmo uma coisa física. Tem de ser algo que você sabe que interessa à pessoa e que pode “entregá-la” se ela quiser.

exemplo de uma lacuna de conhecimento na procura do Google

Um Exemplo da Lacuna de Conhecimento

 

” Fiz um relatório sobre o seu website, onde descrevo alguns problemas que lhe estão a custar dinheiro. Quer que lhe envie o relatório? ”

Quem recebe um email destes pensa imediatamente:

  • Mas quais problemas serão esses?
  • Quanto é que será que me estão a custar?

Cria-se aqui uma lacuna de conhecimento. Entre aquilo que a pessoa sabe e aquilo que ela quer saber.

leadpages a usar a lacuna de conhecimento para conseguir subscritores

O ser humano tem uma tendência natural a querer fechar essa brecha, a querer preencher essa lacuna. Precisamos de saber aquilo que não sabemos. Especialmente se for do nosso interesse.

É praticamente impossível alguém ler um email destes e não reagir. Agora que já sabe isto, não diga a mais ninguém Fica o nosso segredo…

8. O Poder da Linguagem Comum

 

Não é a primeira vez que falo disto e não será a última de certeza: fale como uma pessoa normal e use linguagem básica.

Não use jargão. A linguagem horrível do mundo empresarial que nenhum ser humano normal percebe.

Tente escrever da mesma forma que fala. Use as palavras que usaria se estivesse a conversar com a pessoa, cara a cara.

exemplo de linguagem a não usar num email

A linguagem técnica cria uma barreira entre si e o outro. Pior ainda, é cansativa de ler e a mensagem que quer transmitir acaba por ficar a meio do caminho.

Se quer que os outros tenham prazer em ler os seus emails, escreva numa linguagem que lhes dê prazer de ler.

Não seja chato, formal e desinteressante. Seja simpático, leve e interessante. Vai receber muito mais respostas aos seus emails.

9. A Técnica dos Dois Socos

 

Existem situações onde não pode cumprir algumas das regras deste artigo. Por exemplo, pode ter de enviar um email comprido e muito detalhado com algumas perguntas.

Como é que faz para que as pessoas mais ocupadas leiam e respondam a este tipo de emails? Com um pequeno truque chamado: a técnica dos dois socos.

Em vez de enviar um email comprido que vai assustar quem o abrir, comece por enviar um pequeno email a pedir se pode enviar outro de seguida.

Exemplo de um email inicial:

exemplo de emails introdutório

 

Com este pequeno email, ao qual basta responder com um sim ou não, está a aumentar as hipóteses que lhe respondam ao email a seguir.

Ao dizer sim, a pessoa vai sentir maior responsabilidade em ler e responder ao segundo email. O tal que é comprido e com perguntas.

Essa pessoa já se comprometeu a, pelo menos, ler o seu email comprido. Isso já é uma grande vitória.

10. Teste, Teste e Teste

 

Sou um grande fã de testar tudo. Não há nada que ajude a melhorar os seus resultados online melhor do que testar tudo. TUDO!

Desde o tipo de font que usa, às cores do seu site, até à colocação da barra lateral. Mas isso é conversa para outro artigo. Agora interessa perceber a importância de testar os seus emails.

Veja os resultados dos seus testes no Google Analytics

Se quer aumentar a probabilidade dos seus emails serem abertos e lidos, tem de testar o que funciona e o que não funciona.

Tudo aquilo que vem neste artigo deve ser testado e adaptado à sua realidade profissional. Pode ser que alguns destes pontos o ajudem e outros não.

Só existe uma regra no mundo da otimização de conversões que é: não há uma regra que funcione para toda a gente. Daí a importância de testar tudo o que faz no seu site e nos emails que escreve.

Quer exemplos concretos?

  • Experimente enviar os emails com o nome da pessoa no título para ver se aumenta a percentagem de aberturas
  • Teste a resposta a emails só de texto vs emails html (com imagens e links)
  • Experimente enviar emails longos vs emails curtos

testes a b email

Imagem: Mailchimp

A ideia é testar tudo e depois analizar quais os emails que tiveram melhor resposta. Só a testar é que vai perceber o que funciona melhor para si.

Pode ser que na sua área profissional, o melhor email seja o que combina só 6 pontos deste artigo e não todos eles. Quando descobrir quais são, vai ter ganhos exponenciais para sempre.

A grande vantagem de testar é que quase ninguém testa. As pessoas fazem as coisas sem saber se funcionam ou não. Fazem porque é assim que sempre fizeram.

Você não é assim. Quer aprender, quer ser melhor. Quer ser “o” melhor. Para lá chegar, tem de testar, testar, testar.

11. Se Não lhe Responderem, Não Desista

 

Porque é que será que tanta gente desiste depois de enviar um email? Você faz isso? Enviam um email e depois são capazes esperar semanas para enviar outro.

Esta é das maiores causas de não conseguir respostas aos seus emails. Se está á espera que toda a gente lhe responda com apenas um email pode esperar sentado.

Muitas pessoas precisam de um empurrão para tomarem uma ação. Responder a um email dá imenso trabalho, é uma chatice! Especialmente quando se pode escolher não responder.

Envie 3 emails antes de desistir

Imagem: Joethegoatfarmer

Se quiser uma regra que pode seguir faça o seguinte:

  • Envie o primeiro email num dia. Espere dois dias, se não tiver resposta, envie um follow-up a dizer: “Olá X, só para confirmar se recebeu o meu email…”
  • Se não receber resposta, espere no máximo mais três dias e envie outro email a dizer: “Olá X, só a pôr  isto de volta no topo da caixa de entrada, caso não tenha tido oportunidade de ler…”
  • Se não responderem a este terceiro email, espere uma semana e envie um email final a dizer: “Olá X, ainda não recebi uma resposta ao email inicial sobre Y. Sei que está ocupado e por isso vou voltar a enviar o email inicial para que o possa ler…”

Neste último email volta a enviar o email original só que em separado. A ideia é pressionar a pessoa a responder, sempre de uma forma educada, mas sem o largar.

Se não lhe responderem a este último email, aí sim pode desistir. Se alguém não lhe responde ao fim destes quatro emails, não está interessado em lhe responder.

Bónus Exclusivo: Comece a enviar emails de sucesso em 5 minutos com a nossa lista de tarefas rápidas. Fazer Download

Conclusão e Um Ponto Final Muito Importante

 

Se quer que lhe abram e respondam aos seus emails, já tem aqui várias técnicas e estratégias que pode implementar com sucesso.

Estas técnicas são as que eu próprio uso, depois de anos de testes e centenas de emails enviados. Comece a usá-las hoje e vai ver que a sua percentagem de respostas vai explodir.

Para finalizar, se gostou deste artigo e gostaria de receber mais artigos, dicas e estratégias sobre como aumentar os seus lucros online, subscreva já à lista de email da Online Growing, na barra lateral deste artigo ou na caixa que aparece no fim.

Até ao próximo artigo, continue a crescer de forma inteligente!

Imagem Inicial: HorlaVarlan

Siga-nos nas Redes Sociais

    




Comentários 2

    1. Post
      Author

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *